Compositora, tecladista, produtora musical

Pelo início do que seriam 10 anos exclusivamente dedicados à profissão de Música – na carreira também dedicada às Artes Visuais – Luciana (e sua banda “Eletrodomésticos“) estourou o “profético” hit “Choveu no Meu Chip“. Celulares e a internet ainda não existiam no Brasil, e a música foi para os primeiros lugares de vendas e execução no país entre ’85 e ’86. Isso impulsionou sua carreira musical. Participou como tecladista em uma orquestra e diversas bandas. Foi sócia por 4 anos na ARIA Produções, como compositora, arranjadora e produtora, partindo de briefings para desenvolver conceitos musicais para trilhas.

Entre 96 e 97 fez shows de seu trabalho solo como compositora/cantora e atualmente segue compondo e tocando teclados em alguns shows. Nessa trajetória, Luciana adquiriu experiência insider de ambiente de estúdio, backstage, produção de shows e ilhas de edição para sonorização. Desenvolveu trilhas sonoras para televisão (Rede Manchete) e jingles para campanhas (Brahma, Tabletes Valda e Odebrecht, entre outros), além de vocais para filmes publicitários e programas de TV (O Globo, Casseta & Planeta etc.).

Trilha Sonora

Neste exemplo, a trilha marca cada evento da animação, como a mulher descendo na balança e a sincronia com o som da máquina de escrever. Trilha composta para o programa de variedades para o público feminino. Rede Manchete, ’92 (recuperada digitalmente).
Saiba mais

‘Cantautora’

Este EPK de ’97 mostra um pouco do trabalho solo com depoimentos de músicos, como o produtor musical Fabio Fonseca (o co-autor, com Ed Motta, de “Manuel”), e cenas do show de estréia no Rio Jazz Club.
Saiba mais

ALGUMAS BANDAS